Faça você mesmo: cultura maker no aprendizado

Compreender é inventar ou reinventar. Essa máxima, do educador suíço Jean Piaget, é uma das premissas da educação construtivista, que defende que o conhecimento deve ser construído pelo aluno a partir de sua exposição a situações práticas e atividades interativas. Dentro dessa lógica, espaços que valorizam o “aprendizado mão na massa” são cada vez mais comuns nas instituições de ensino – ou à serviço delas – e contribuem para o fortalecimento da chamada cultura maker, ou a cultura do faça você mesmo.

Os Fab Labs e os Makerspaces são ambientes que oferecem soluções de problemas de forma prática e inovadora. Equipados com maquinário digital, ferramentas manuais e organizados em espaços físicos que favorecem a troca de conhecimento e a colaboração, esses espaços funcionam como verdadeiros laboratórios e oficinas. Neles é possível fazer basicamente qualquer coisa, de produtos de marcenaria a impressões digitais.

Conheça alguns desses espaços em Belo Horizonte:

Faz Makerspace

O Faz é uma oficina de trabalho compartilhada para todos os tipos de “fazedores”. O makerspace oferece bancada de marcenaria, mesa de eletrônica, máquina de corte à laser, impressora 3D, plotter de recorte e router CNC. O espaço pode ser reservado por hora ou por diária e, junto com o uso das máquinas, equipamentos e ferramentas, oferece o acompanhamento de monitores especializados.

Anima Lab

Localizado no campus Estoril da UNI-BH, o Anima Lab é considerado o maior Fab Lab da América Latina, com mais de 700m2 abertos para a comunidade. Além de um laboratório maker, o espaço funciona como um centro de aprendizagem e uma extensão da sala de aula, com um programa de desenvolvimento de startups e uma sala de metodologias ativas de aprendizagem e capacitação de professores.  

Laboratório Aberto Senai

O Laboratório Aberto do Senai foi construído no Centro de Tecnologia e Inovação Senai Fiemg e oferece, além de sala de maquinários e de coworking, espaços de convivência, reunião e treinamento. O laboratório também possui um banco de dados aberto, baseado em desafios propostos pelas indústrias e realiza capacitações e palestras, por meio de uma rede de mentores e parceiros das mais diversas áreas. Em parceria com outras unidades do Senai-MG, o laboratório oferece, ainda, acesso a ambientes de Prototipagem Rápida, com infraestrutura nas áreas de alimentos, confecção, automação, manufatura digital, programação, construção civil, siderurgia, metalurgia, refrigeração, soldagem, metrologia, usinagem, ferramentaria, química, polímeros, design, entre outros

Fab Lab Newton

Inaugurado em 2015, o Fab Lab da Newton Paiva foi o primeiro de Minas Gerais e está integrado à rede mundial Fab Lab, criada pelo MIT (Massachusetts Institute of Technology). O espaço oferece softwares de modelagem 2D e 3D, impressora 3D, cortadora de vinil e a laser, fresadoras e soluções em eletrônica e para programação.

leia também

Saiba como transformar o TCC em ferramenta de empreendedorismo
continuar lendo
Intercâmbio profissional: como a experiência pode enriquecer a formação superior
continuar lendo
Aprender pela experiência: conheça a metodologia criada pela Perestroika
continuar lendo

Quer ficar sabendo de tudo antes? Assine a
newsletter e receba novidades no seu e-mail.

x
área restrita
Usuário
senha