Profissionais híbridos demandam educação híbrida

Contador de histórias digitais, gerente de automação de marketing, executivo de educação online, analista de qualidade da informação, especialista em experiência do usuário, arquiteto de realidade aumentada… O mundo do trabalho mudou. As novas carreiras pedem profissionais mais generalistas e flexíveis, com competências socioemocionais bem desenvolvidas e conhecimentos em áreas como programação e storytelling.

 

São os chamados profissionais híbridos, pessoas com pensamento sistêmico, capazes de navegar entre diferentes áreas de conhecimento e com foco na inovação e na solução de problemas. Além disso, eles têm capacidade de liderar times multidisciplinares, demonstram empatia e espírito de equipe.  A formação de profissionais com essas habilidades demanda uma mudança na educação básica e no ensino superior, com a implantação de um ensino, também, híbrido.

 

Tendo a personalização como palavra de ordem, o aprendizado híbrido é realizado por meio de diferentes métodos, formatos e plataformas. A combinação de novas tecnologias com ferramentas tradicionais de ensino e a introdução de rotas de aprendizado personalizadas estimulam a diversidade na formação dos alunos, que passam a determinar o quê, como, onde e quando aprender. A horizontalidade em sala de aula é outro fator decisivo: jovens e educadores trabalham juntos e a hierarquia rígida do ensino tradicional dá lugar a um ambiente colaborativo, que incentiva a auto estima e autonomia dos alunos.

 

De acordo com Joseph Aoun, presidente da Northeastern University, nos Estados Unidos, a preparação para o novo mercado de trabalho deve envolver, ainda, três elementos-chave: estudos temáticos interdisciplinares, aprendizado baseado em projetos, e oportunidades de experimentação. Uma das iniciativas da universidade americana nesse sentido foi abandonar a oferta de disciplinas isoladas umas das outras e priorizar os projetos “mão-na-massa”, que permitem ao estudante sintetizar conhecimentos de diferentes áreas em um mesmo trabalho.

 

Quer saber mais sobre Ensino Híbrido e suas aplicações? Clique aqui para conhecer o material completo que preparamos sobre o tema.

 

leia também

Aprender pela experiência: conheça a metodologia criada pela Perestroika
continuar lendo
Saiba como aplicar as estações de aprendizagem em sala de aula
continuar lendo
Acesse todo o conteúdo ConecteCER!
continuar lendo

Quer ficar sabendo de tudo antes? Assine a
newsletter e receba novidades no seu e-mail.

x
área restrita
Usuário
senha