Você sabe o que é um hackathon? Descubra como a ferramenta pode potencializar a educação

O hackathon é uma estratégia cada vez mais utilizada por empresas para impulsionar a inovação e pode ser uma aposta também nas escolas para trabalhar conteúdos e definir soluções para os problemas diários. A ferramenta é uma maratona que reúne diversos profissionais engajados em desenvolver novos produtos ou em solucionar problemas de maneira ininterrupta. Mas como adaptá-la à realidade da sala de aula?

 

hackathon

 

O hackathon pode ser utilizado tanto pelos profissionais da educação, desde professores até gestores, como pelos próprios alunos. Uma das grandes vantagens desse recurso é que os participantes ficam totalmente focados em um objetivo, e as possibilidades de ensino e aprendizagem são muitas.

Hackathon: ferramenta para resolução de problemas

Imagine envolver todos os alunos da turma na solução de alguma questão prática, relacionada ao conteúdo ensinado com a garantia de concentração e compreensão aprofundada do que é passado? É isso que o hackathon pode oferecer quando utilizado como metodologia de ensino.

O mesmo pode ser aplicado a professores, gestores e demais profissionais da educação. O hackathon parte do princípio de que algum gargalo ou desafio foi identificado dentro da organização e precisa de uma solução que contemple diversos setores. O mesmo raciocínio pode ser levado para os educadores. Foi identificada alguma questão que precisa de uma solução multidisciplinar ou intersetorial? Aposte no hackathon para resolvê-la.

Quatro vantagens do hackathon no ambiente escolar

Alguns dos principais benefícios estão ligados ao aprofundamento do processo de aprendizagem e à busca por soluções inovadoras, mas a ferramenta também é capaz de desenvolver outras competências importantes para a cultura empreendedora. Por exemplo:

  1. Raciocínio rápido: como os grupos irão se dedicar por horas, sem interrupção, ao que foi proposto, os participantes serão motivados a apresentar resultados de maneira ágil. Garantidas a concentração e a disposição, as ideias surgirão de maneira muito mais rápida do que se adotados os métodos tradicionais de aprendizagem e trabalho.
  2. Comunicação efetiva: principalmente em casos em que profissionais de diferentes setores estarão reunidos, o hackathon é um diferencial que garante integração, pois os grupos trabalham em prol da instituição de ensino. O mesmo também ocorre dentro de sala de aula. Essa ferramenta incentiva os alunos a trabalharem em conjunto. Por isso, a comunicação é um elemento fundamental para o sucesso desse recurso ao mesmo tempo que é uma qualidade aprimorada ao final do processo.
  3. Soluções inovadoras: um dos pilares do empreendedorismo é a inovação. Pelo hackathon, estudantes e educadores são incentivados a pensar além do que já estão acostumados e, assim, a apresentar novidades que podem transformar processos de gestão da instituição e de aprendizagem em sala de aula.
  4. Valorização da liderança: outro princípio básico da cultura empreendedora é a liderança. Ao aplicar o hackathon à realidade escolar, estudantes e educadores precisam dialogar e debater entre si qual a melhor solução para a questão que foi colocada. A metodologia incentiva o protagonismo de seus participantes, mesmo daqueles não acostumados a esse tipo de iniciativa.

Estratégias de aplicação do hackathon

Dois elementos são importantes para pensar sobre a aplicação do hackathon: mapeamento para identificação de qual será o desafio e definição de uma recompensa. O diagnóstico inicial do que será trabalhado é fundamental para garantir foco aos grupos de trabalho. Ainda que outras questões possam ser solucionadas por meio da ferramenta, é preciso que sejam desenvolvidas uma de cada vez.

Já em relação à recompensa, é muito comum, nas maratonas em empresas, que sejam oferecidas premiações para os participantes ou grupos que alcancem a meta estabelecida. No espaço escolar, é interessante pensar em recompensas que garantam o reconhecimento do esforço de alunos e educadores para que, em outras oportunidades, estejam igualmente motivados a participar.

Quer continuar aprendendo como aplicar soluções inovadoras em sala de aula? Então você certamente vai se interessar em saber mais sobre a metodologia Genius Hour, que contribui para a gestão do tempo dos alunos e sua dedicação a projetos alinhados a seus interesses.

leia também

Empreendedorismo por mulheres e para mulheres - Entrevista Priscila Gama
continuar lendo
Como transformar os indicadores de desempenho escolar em ferramenta de inovação
continuar lendo
Espiral do conhecimento: conheça a metodologia
continuar lendo

Quer ficar sabendo de tudo antes? Assine a
newsletter e receba novidades no seu e-mail.

x
área restrita
Usuário
senha