Ferramentas educacionais do Sebrae para implementar a educação empreendedora

Blog Ferramentas educacionais do Sebrae para implementar a educação empreendedora

21/12/2021
A implementação da Educação Empreendedora é repleta de desafios. A resistênciapara abrir mão dos moldes tradicionais do ensino acaba sendo uma das principais barreiras; porém, é preciso buscar fontes de inspiração e de engajamento para que as adversidades sejam vencidas. O Sebrae, com o propósito de apoiar professores empreendedores, disponibiliza diversas ferramentas educacionais quepodem apoiar nesse processo transformador.
Ter acesso a essas ferramentas é uma oportunidade de vivenciar a Educação Empreendedora e conhecer as transformações que ela pode trazer tanto para o indivíduo em formação quanto para a sociedade.

O que são ferramentas educacionais?

A definição de ferramentas educacionais é ampla; entretanto, elas devem ser utilizadas para que a educação e o ensino sejam potencializados. De modo geral, elas são desenvolvidas no sentido de facilitar e auxiliar as instituições educacionais, trazendo caminhos viáveis à aplicação de algumas metodologias ou à criação de projetos pedagógicos.
Além disso, essas ferramentas trabalham como fontes de atualização dos métodos de ensino, mostrando novos formatos de aula e de aprendizado aos professores e aos estudantes.
Mas, para que elas sejam úteis, é preciso que a criação tenha sido feita com base em muito estudo e entendimento sobre as diversas realidades do país.
O Sebrae disponibiliza diversas ferramentas gratuitas indispensáveis quer para o aprofundamento do conceito da Educação Empreendedora quer para a aplicação em sala.

Conheça as ferramentas para implementar a Educação Empreendedora do Sebrae

Todas as ferramentas disponíveis para auxiliar a implementação da Educação Empreendedora são gratuitas. O Sebrae entende que é preciso que ocorra cada vez mais a disseminação de práticas e metodologias que desenvolvam as competências e habilidades essenciais para o desenvolvimento integral dos estudantes.
Apresentamos a seguir três categorias de ferramentas educacionais para o trabalho com a Educação Empreendedora.

Webinars

Os webninars são seminários on-line gravados ou ao vivo, que oportunizam espectadores a interagirem com os palestrantes. É uma boa forma de se aprofundar na Educação Empreendedora, tirando dúvidas sobre a teoria e também a prática.
O Sebrae disponibiliza diversos webinares com temas relacionados a educação empreendedora, confira:
O webinar trata da importância de despertar o empreendedorismo nos estudantes. O vídeo está repleto de dicas e ensinamentos que serão importantes fontes de insights a serem aplicados nas múltiplas realidades das instituições brasileiras.
Como implementar a Educação Empreendedora em tempos de crise? Com base nesse questionamento é que o webinar foi conduzido. Você encontrará dicas que orientam os estudantes diante das adversidades, promovendo também o seu protagonismo.
O ensino híbrido está tendo um destaque maior durante este período de pandemia. Muitas escolas e professores tiveram de se adaptar à aprendizagem a distância, enfrentando os desafios de forma imediata e sem preparo.
Nesse webinar, falamos de como é possível organizar programas educativos híbridos e aproveitar benefícios que essa modalidade de ensino proporciona.

Jogos

A gamificação é uma metodologia ativa que traz excelentes resultados em sala de aula. Os professores podem aproveitar todo o engajamento que tais plataformas de jogos oferecem para desenvolver habilidades como autonomia, organização e comunicação dos estudantes.
O Sebrae disponibiliza diferentes jogos que podem ser utilizados em sala de aula e até no ensino híbrido. Abaixo estão dois exemplos:
· Fazendinha de negócios
Este é um ótimo jogo para trabalhar o planejamento e o cumprimento de metas. Os estudantes terão de ajudar o fazendeiro Silva a levar toda a sua família à praia; então será preciso controle financeiro e organização visando obter lucro com as atividades.
Além das habilidades administrativas, os jogadores poderão aproveitar para desenvolver o senso de coletividade, de família e aprofundar em como a união de pequenas ações podem ser transformadoras.
· Copo com saúde
A ideia central do jogo é criar a melhor loja de sucos do mundo. Os jogadores vão desenvolver estratégias, dentro das características que o jogo proporciona, para que a empresa do “Senhor Lopes” tenha sucesso.
Para isso, os estudantes vão explorar e desenvolver algumas habilidades, como planejamento, fluxo de caixa, estratégias comerciais, comunicação e busca ativa para a resolução de problemas.

Estudos

Com o objetivo de que a prática empreendedora seja aplicada na escola de forma eficiente, é importante que todos os envolvidos na implementação tenham boa bagagem teórica. Pois, dessa forma, as metodologias voltadas à formação empreendedora do estudante serão direcionadas de forma eficaz.
Para ajudar nesse processo, o Sebrae também apresenta algumas ferramentas educacionais dirigidas ao estudo do conceito e também com a intenção de conhecer como as outras escolas estão aplicando a Educação Empreendedora.
A primeira ferramenta é a plataforma do CER histórias. Os educadores encontrarão histórias de instituições que desenvolveram projetos para que a Educação Empreendedora fosse trabalhada. É uma oportunidade relevante para compreender como é possível fazer adaptações a fim de que a formação completa do jovem ocorra.
A segunda ferramenta educacional é o Radar, isto é, sistema que faz uma análise no sentido de apurar o grau de ambiência favorável para a implementação da Educação Empreendedora na Instituição de ensino. Assim, a sua aplicação pode gerar várias iniciativas de projetos que visam à formação integral do estudante nas múltiplas comunidades existentes.

O CER e a divulgação de conteúdos de qualidade

O próprio blog do CER também pode entrar nas listas de ferramentas educacionais, já que frequentemente novos conteúdos são disponibilizados.
Eles englobam assuntos inseridos na realidade da implementação da Educação Empreendedora, auxiliando e orientando professores, gestores e estudantes sobre a importância do foco em trabalhar as competências empreendedoras.
Para complementar ainda mais tudo o que foi apresentado, aproveite para ver um artigo que mostra oito ferramentas tecnológicas que podem engajar ainda mais os estudantes na busca pelo conhecimento.

Assine a Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades