Pesquisa traça o panorama do ensino híbrido na educação superior

Blog Pesquisa traça o panorama do ensino híbrido na educação superior

Compartilhe este conteúdo
Nos dias atuais, mais do que nunca se tem discutido o conceito de ensino híbrido. A pandemia trouxe diversas pautas em torno desse assunto, e uma delas é o panorama do ensino híbrido na educação superior. Uma metodologia que permite que o aluno possa optar por um ensino virtual ou presencial.
Com a Covid-19, muitas escolas tiveram de optar pelo ensino a distância (EAD), e alguns alunos afirmam que tiveram melhores resultados com o novo método de ensino, porém, a grande maioria teve dificuldades para se adaptar.
O ensino híbrido requer grande preparação tecnológica para alcançar bons resultados. Atualmente, é notório esse avanço na utilização da tecnologia nas instituições, mas ainda não é o ideal.
A sondagem responsável pela implementação dessa metodologia dispôs a participação de 39 das 64 instituições conveniadas ao STHEM Brasil, das quais 94% dos respondentes afirmaram que o ensino híbrido será o futuro da educação, porém, ainda está longe de estar 100%.
E uma das maiores preocupações apontadas foi a formação de professores (42,9%).
Após pesquisas, foram apontadas algumas conclusões, ou seja, de que aulas on-line não poderiam garantir a adoção do sistema de ensino híbrido de alta eficiência, e que as ferramentas digitais podem não alcançar resultados satisfatórios no conhecimento dos alunos, já que ainda existe uma longa caminhada a ser percorrida.
Acesse aqui para ler a matéria completa.
Compartilhe este conteúdo

Assine a Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades