Transformação digital na educação: o que é e qual o impacto dela?

A tecnologia tornou-se uma das maiores aliadas de empresas, escolas, universidades, e claro, está presente no dia a dia dos brasileiros. O impacto é nítido ano após ano. Afinal, são muitos os avanços que surgem a todo momento para otimizar ainda mais nossa vida. E um dos temas mais debatidos é o da transformação digital na educação. O que muda para os jovens estudantes?

Antes de tudo, é preciso entender o que é o termo “transformação digital”. Muito mais do que um conceito que ilustra como nossa forma de viver ou trabalhar tornou-se digital, devemos ter em mente que essa é uma mudança muito mais significativa.

A transformação digital na educação, por exemplo, é um processo no qual não ocorre apenas com a digitalização. É uma mudança cultural, em que a tecnologia é a própria base na qual as ações estão estruturadas.

Resumindo: trata-se do desenvolvimento de determinada atividade por meio do suporte tecnológico.

Pois bem, é fato que essa jornada ainda tem um longo trajeto para ser percorrido, principalmente no Brasil. Entretanto, neste post, vamos esclarecer alguns pontos importantes e você vai descobrir os primeiros passos para a implementação do processo de transformação digital na educação em sua instituição de ensino.

Qual o impacto da transformação digital na educação?

Primeiramente, entender o conceito e as mudanças dele no sistema de ensino é muito importante para otimizar o uso da tecnologia. Diversas áreas já abriram espaço ao termo, e a educação está mais atenta para essa tendência que chega cada vez mais forte.

Sendo assim, se no passado os recursos digitais estavam presentes em catracas eletrônicas, sistemas, sites, redes sociais ou laboratórios de informática, com a transformação digital na educação toda a instituição estará interconectada. Ou seja, os objetivos e os sistemas estarão alinhados, trabalhando em conjunto.

Quais as vantagens para a escola?

  • Maior produtividade.
  • Economia gerada.
  • Qualidade na interação do ensino.
  • Aumento no número de matrículas.

Primeiros passos para a transformação digital na educação:

Com a nítida influência do mundo digital, existe a importância de adotar processos em níveis cada vez mais personalizados. Por isso, a tecnologia entra para proporcionar essa adequação.

Os estudantes precisam cada vez mais de autonomia, principalmente para identificar aquelas áreas com as quais simpatizam mais. Sendo assim, eles poderão avançar em determinadas habilidades para chegar no mercado de trabalho mais capacitados.

A tecnologia já é uma realidade, por isso não devemos ignorá-la ou proibi-la dentro do ambiente escolar. Afinal, isso pode afastar o interesse dos alunos, criando um espaço que não condiz com a sua realidade.

Nesse sentido, é bom lembrar que os estudantes terão contato com a tecnologia e vão estabelecer uma relação com o universo digital. Ou seja, é cada vez mais urgente a necessidade de adequar as instituições de ensino ao ritmo no qual caminha o mundo. Por essa razão, tanto se fala sobre a importância da transformação digital na educação.

1º passo: equipe engajada

Para começar a implementar o processo de transformação digital na educação, capacite professores, coordenadores e demais funcionários.

As decisões não podem estar centralizadas apenas nas mãos dos diretores, já que a discussão com outros educadores é fundamental. E a não discussão pode ser um erro.

É interessante também que os profissionais da educação se aprofundem em termos como Educação 4.0 e 5.0. Se você não conhece as diferenças, leia mais neste post.

2º passo: parcerias

Busque parceiros que são referência nesse tipo de projeto. Um profissional ou um consultor competente podem contribuir com soluções efetivas para a escola.

Lembre-se de que esse tipo de projeto deve ser bem estruturado, compreendendo o tipo de comunidade retratada. Aliás, o impacto social tende a ser grande ao se optar pela transformação digital na educação, podendo levar entre três a quatro anos para a aplicação efetiva nas salas de aula.

3º passo: em qual estágio da transformação digital sua escola se encontra?

Reflita sobre qual é o estágio atual da sua escola, elenque vários pontos como: os comunicados ainda estão em murais? Existe alguma comunicação por meio de WhatsApp ou por telefone? Já houve migração da agenda física para plataformas digitais, como o Google Calendar? Há a possibilidade de implementar um aplicativo que reúna informações destinada a pais e a alunos?

Enfim, são muitos os caminhos a ser observados. Mas, quando a comunicação se tornar mais ativa, aumentando o engajamento com os pais, organizando os processos e gerando economia, você evoluirá muito mais!

4º passo: entenda as mudanças no aprendizado

Atualmente, os professores não são os únicos a deter informações. Afinal, os estudantes usam a internet para entender sobre assuntos diversos. Por isso, o papel dos docentes é trabalhar como mentores, fazendo com que os alunos sejam capazes de interpretar e pensar criticamente sobre o conteúdo.

5º passo: defina objetivos concretos

Defina objetivos que sejam concretos e palpáveis; sendo assim, é importante que você saiba aonde quer chegar. Logo após entender qual é o estágio da sua escola, crie objetivos da instituição para verificar como a tecnologia pode auxiliar no alcance dessas metas.

6º passo: invista em recursos tecnológicos

Após fazer um levantamento das demandas da escola, chega o momento de investir em recursos tecnológicos. Mas opte apenas por aqueles que dialoguem com as metas estabelecidas. E não se esqueça de comunicar a toda a equipe a existência desses novos recursos e como eles vão impactar o trabalho e o dia a dia dos alunos.

7º passo: fique sempre ligado nas tendências educacionais!

Esteja sempre atento para enxergar oportunidades em tendências que impactam a qualidade do ensino. Ou seja, sempre que puder, pesquise e observe o que ocorre ao redor do mundo. Afinal, há cada vez mais pesquisas sobre o papel da transformação digital na educação.

Ter um bom networking com pessoas do ramo também é interessante visando receber novidades em primeira mão.

Por fim, a transformação digital na educação permite reter os estudantes por mais tempo. Nesse sentido, eles podem evoluir também em habilidades importantes para o convívio social,tais como: persistência, superação, capacidade de trabalhar em equipe, raciocínio lógico, dentre outras. A escola também será mais valorizada pelos pais e pelos responsáveis, o que tornará o ambiente escolar uma referência para atrair novos alunos.

A fim de saber como preparar seu time de professores para todas as mudanças provocadas pela tecnologia, leia mais sobre a formação de professores na Educação 5.0 

 

leia também

Como cuidar da saúde mental dos professores em tempos difíceis
continuar lendo
Ensino de programação: 7 dicas para quem está começando
continuar lendo
O que é cultura empreendedora e como estimulá-la na escola
continuar lendo

Quer ficar sabendo de tudo antes? Assine a
newsletter e receba novidades no seu e-mail.

x
área restrita
Usuário
senha
×